General Motors Obtém Lyft

Por Nicole Dugan Provavelmente, você já ouviu falar muito sobre os 500 milhões de dólares que a General Motors quer investir na Lyft. As duas empresas planejam embarcar numa viagem para, no futuro, diminuir o número de carros na estrada. A General Motors e a Lyft acreditam que o futuro da indústria automóvel reside na partilha de viagens, e não na posse de um carro individual.

A parceria entre a General Motors e a Lyft ilustra uma tendência que se tornou cada vez mais comum na última década -- grandes empresas da "velha guarda" estão começando a perceber as deficiências de seus atuais modelos de negócios, e estão buscando parcerias com novas empresas de tecnologia para responder às necessidades dos consumidores.

É Hora de Cortar o Cordão

Agora que a Amazon e a Netflix estão produzindo seus próprios filmes e shows de televisão, cada vez mais consumidores rompem sua relação com os serviços tradicionais de TV a cabo, passando a depender apenas dos serviços de streaming. A Apple já apresentou planos para lançar um serviço de assinatura por cabo, que irá oferecer acesso a 25 redes de televisão, incluindo a ABC, a CBS e a Fox através da Apple TV.

Muitas redes de mídia, como a Time Warner, Inc., já tomaram medidas para se alinharem com os provedores de serviços de streaming. Em abril de 2015, a Time Warner, Inc. estabeleceu um acordo com a Apple, fazendo da Apple o parceiro exclusivo para o lançamento d aplicativo HBO Now . O preço das ações da Time Warner respondeu favoravelmente ao anúncio de parceria, o que torna mais provável que as cadeias de TV e os serviços de cabo comecem a buscar parcerias com os fornecedores de streaming on demand.

Quebrar o Banco

Os consumidores querem, geralmente, ter a capacidade de controlar vários aspectos de suas vidas a partir de seus dispositivos móveis, incluindo suas finanças. A maioria dos grandes bancos oferece aplicativos de pagamento de contas e operações bancárias on-line; no entanto, os investidores mais jovens estão começando a confiar cada vez mais em empresas fintech para satisfazer suas necessidades de mobilidade financeira.

Embora a maioria dos aplicativos bancários móveis permitam que seus clientes enviem dinheiro eletronicamente, o fornecedor de carteira digital Venmo é usado com tanta frequência que o termo "venmo" se tornou um verbo. Exemplo: "Você pode simplesmente me Venmar." O uso generalizado de aplicativos como o Venmo demonstra que as pessoas estão se afastando das instituições financeiras tradicionais para gerir o seu dinheiro.

Numa escala global, os consumidores são cada vez mais atraídos pelos métodos digitais (e sem dinheiro físico) de pagament e gestão financeira. Provavelmente, com o passar do tempo, veremos mais parcerias entre os grandes bancos e as empresas do espaço fintech para satisfazer as necessidades dos consumidores que priorizam os dispositivos móveis.

Lar Doce Hotel

A Airbnb e os principais executivos das grandes cadeias hoteleiras, como a Hilton, alegam que não estão em competição. No entanto, a Airbnb começou recentemente a explorar o segmento das pessoas que viajam em negócios, um universo que representa grande parte do grupo demográfico tradicional dos grandes hotéis.

Atualmente, a penetração da Airbnb no mercado é baixa. Um artigo no > The Economist < sugere que, mesmo que a Airbnb continue crescendo no ritmo atual, isso representará uma quebra de apenas 10% na receita dos hotéis econômicos para 2016, sendo provável que tenha pouco ou nenhum impacto nos hotéis de luxo. No entanto, se a Airbnb conseguir estabelecer uma parceria com alguns agentes de viagens on-line, como a Expedia e a Travelocity, os hotéis poderão ter um grande problema em suas mãos.

Para muitas pessoas, a relação custo-eficácia da Airbnb torna as viagens para o exterior mais acessíveis do que com os hotéis. Mesmo que não se sintam, neste momento, ameaçados pela gigante de partilhas de casas, os hotéis poderiam abrir um novo mercado através de uma parceria com a Airbnb ou da criação de um serviço similar.

Todo o Mundo está Construindo uma Ratoeira Melhor

Em muitos setores, o uso generalizado de aplicativos e tecnologia móvel está mudando a maneira como as pessoas consomem produtos e serviços. Devido aos avanços tecnológicos, algumas das empresas mais sólidas do mundo, com várias décadas de mercado, estão se juntando a "novatos" que vieram para revolucionar a indústria. Os investidores devem ficar atentos a futuras parcerias entre empresas veteranas e suas homólogas da nova era.  Se essas parcerias conseguirem satisfazer melhor as necessidades dos clientes, o valor e o preço das ações das empresas envolvidas podem ser afetados positivamente.